sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Saudades de como minhas férias já foram um dia.

 Saudade do carro cheio, dos acampamentos, dos banhos de sanga / praia  / barragem com tudo os primos e amigos, saudade de jogar bola com os mesmos, saudade dos churrascos e da família toda reunida, saudade de comer melancia da roça do vô, de andar a cavalo, de pescar, de caçar nhonha. Saudade do vô e da vó, saudade dos que já partiram. Quinze dias lá era pouco. 
Jáh não é mais como antes, mas tive a melhor infância e tenho as melhores lembranças.

Eu, mano Efraim e mamis Ilvânia, dando uma fugidinha pra Alegrete pra ver o pessoal =D


Pra provar pro pai que a mãe não passou dos 110km/h (jura néh)

Na CAAL (ops, agora é Peruzzo) mega torre de waffer.

Natiel, Samuel e Efraim



 Para sempre: "A casa do vô"

Banho de sanga *-*

Xuxa tripé hehehe

Tia, mãe e prima.

E o Natiel não queria tira foto =/

Fofo da prima *-*

 Mensageiro Luterano de natal, não podia ter frase melhor.



primo Kaka

primo Sassa e o Efraim










"Motivos para chorar eu até tenho, mas prefiro sorrir."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, volte sempre *-*
beijinhos